Liebster AwardA Silvia, do querido blog Consulta Sentimental, me convidou para “brincar” desses joguinhos de perguntas e respostas. O nome da meme é “Liebster Award” e agradeço por ela ter pensado em mim!

Vamos as perguntinhas da Silvia:

1) Nome e apelido
Meu nome é Mirella e meu apelido varia dependendo do país: Mi para os brazucas e Mia em inglês.

Aí tinha o apelido que meu pai me chamava: Lemoa, Lemoa Encardida (risos) etc. E o Kiko me chama de vários outros que vai mudando ao longo do tempo ou da situação.

2) Em quantos países já morou?
Acho que morei em 5, se puder contar os 4 meses que fiquei em Amsterdam.

São eles: Brasil, Canadá, Australia, Estados Unidos e Holanda.

Me mudei do Brasil em 2000 e desde então, estou perambulando pelo mundo. Desses, o Canadá foi o país que mais morei. Nesse post eu falo das 20 casas que já morei nesses 17 anos de vida fora do Brasil.

3) Desses países, de qual mais gostou?
Puxa… meu dilema de vida!

Fico entre Canadá e Australia. O Canadá de modo geral é um país mais estruturado, com mais oportunidades, mais próximo do Brasil e onde está minha casa atual. Mas a Australia foi o país que mais gostei de morar; o estilo de vida tem muito nossa cara, mas infelizmente pra gente não funciona, pelo menos por enquanto (risos).

4) Qual foi a coisa mais doida que aconteceu em uma viagem?
Ainda não sei se foi doidera ou burrice … mas enfim …

Na época que estávamos morando na Australia, fomos com um casal de amigos (hoje nossos compadres) para uma praia chamada Rainbow Beach. Um dos passeios para se fazer de lá, é um day trip para Fraser Island, uma ilha linda, mas que para chegar é preciso andar no meio da areia, pegar ferry (barco) e por aí vai.

Só sei que ninguém prestou atenção no horário do último ferry de retorno e acabamos dormindo 4 pessoas no mesmo carro e morrendo de medo que algum guarda florestal nos multar por não ter adquirido a licença certa para dormir no parque ou de algum dingo (cachorro selvagem australiano) morder nossa bunda (risos). Contei um pouco dessa aventura aqui nesse post.

5) Qual foi a comida mais esquisita que comeu nessas viagens?
Desde que me mudei do Brasil, meu paladar se abriu muito. Eu sempre fui de comer a mesma coisa, não arriscar e achar que não gostava de nada.

Aí, quando me mudei e comecei a conhecer pessoas de outras nacionalidades, fui aprendendo explorar outros sabores, culinárias e delícias. Hoje eu gosto de muita coisa que nem sonhava comer há uns 20 anos.

Isso foi só uma introdução para explicar porque resolvi experimentar carne de baleia na Islândia. Na verdade a gente não ia pedir, mas de repente, passou na nossa frente um prato lindo; tipo uma chapinha com uma carne cortada em cubinho, que fez nossos olhos brilharem, nem perguntamos o que era aquilo e pedimos um igualzinho.

Quando nosso lindo prato chegou, perguntamos o que era e descobrimos que era baleia! Eu particularmente achei tudo muito esquisito; aparência e textura de carne de vaca (porque baleia é mamífero) e gosto de peixe.

Hoje, eu jamais pediria carne de baleia, nem que fosse para experimentar, pois não é certo. Vários tipos de baleia estão em extinção e o tempo que esse animal precisa para se tornar adulto e sexualmente reprodutivo, é muito demorado, o que não suporta ele virar iguaria da culinária, especialmente com esse bando de gente que tem hoje no mundo.

6) E a mais gostosa?
Muita coisa!!! Restaurantes e comidas são uma das coisas que pesquiso muito antes de chegar a um destino.

Acho que não sei dizer qual foi a comida mais gostosa que já experimentei, cada hora que penso em uma coisa, já me vem outras 20 na cabeça 🙂 .

Mas uma coisa é certa, comidinha de mãe é sempre bem vinda!

7) Onde ainda quer voltar?
Tantos lugares, eu adoro retornar a um destino que já visitei, a pressa parece que é outra, a ansiedade fica para depois e curtimos tudo de forma mais relax, com outros olhos e buscando aventuras fora do roteiro.

Adoraria voltar para Nova Zelândia, Paris, China, Israel, Maldivas etc…

8) Qual será a próxima viagem?
Dezembro chegando, significa natal e ano novo em família. Vamos para o Brasil.

O Natal passo em Riviera de São Lourenço (SP) com minha mãe e a mãe do Kiko, e logo depois embarcamos para Fortaleza, onde vamos explorar o lado leste do Ceará e conhecer um pouquinho do Rio Grande do Norte! Vai ser épico 🙂

9) Onde não voltaria jamais?
Não tenho problema com nenhum lugar que já visitei … voltaria para todos eles sem problema.

Eu sempre falo que sou o tipo de viajante deslumbrada, sempre acho coisas legais para ver.

10) Onde não quer ir de jeito nenhum?
Nunca pensei sobre isso, mas tem lugares que tenho receio não me adaptar. Por exemplo, sou doida para conhecer a India, mas morro de medo de não curtir a India do jeito que ela deve ser aproveitada.

11) Quando virá me visitar?
Breve … estou torcendo para ser em 2018!!!!

Aliás, para quem está lendo esse post e não sabe onde a Silvia mora, compre o eBook dela na Amazon (por menos de 1 euro), onde ela conta como está sendo sua vida morando no Algarve! Clique aqui para adquiri-lo.

12) Quais seriam seus 3 pedidos para o gênio da lâmpada?
1- Amei o seu pedido e vou copiar; velhice lúcida e saudável, sem dar trabalho pra ninguém.
2- Me aposentar cedo para poder viajar mais.
3- Surpresas boas durante vários momentos da minha vida. Não gosto de rotina, então uma surpresinhas são sempre bem vindas.

===============

Para não acabar a brincadeira, vou convidar três amigas blogueiras que moram em Toronto e admiro muito: Livi, Gaby e Alessandra.

Meninas, fiquem a vontade de participar ou não, e quem topar, segue minhas 12 perguntas para vocês:

1) Nome e apelido
2) Quando imigrou para o Canadá? Toronto sempre foi sua primeira opção?
3) Se fosse escolher outra cidade canadense para morar, qual seria?
4) Dos lugares que já visitou no Canadá, qual mais gostou?
5) Conte pra gente alguma receita (de doce ou salgado) que aprendeu morando no Canadá (não precisa ser necessariamente canadense)?
6) Você se vê morando no Canadá para sempre? Porque?
7) Se tivesse a oportunidade de mudar novamente de país, onde gostaria de morar?
8) Qual a coisa que você menos gosta no Canadá ou Toronto?
9) Porque você decidiu abrir um blog, por quanto tempo escreve nele e porque continua?
10) Viver no exterior sempre foi um sonho/vontade ou aconteceu sem querer?
11) Se você nunca tivesse saído do Brasil, você acha que sua vida teria sido muito diferente? (Valores, estilo de vida, pensamento … essas coisas)
12) Quais seriam seus 3 pedidos para o gênio da lâmpada?

Meninas, aqui estão as Regras do Jogo:

– Inserir no post a imagem com o selo Liebster Award.
– Escrever 12 fatos sobre você
– Responder as perguntas de quem indicou a TAG.
– Fazer 12 perguntas p/ os blogs que você indicar.
– Linkar de volta quem te indicou!

Leia também:
20 Coisas sobre mim

Aquela pergunta que você sempre quis fazer sobre nossa vida expatriada e nunca fez 

10 Coisas que mudaram na minha vida desde que sai do Brasil