Ontem foi publicado pela Economist Intelligence Unit, a lista das melhores cidades para se viver no mundo. E obviamente, Toronto está no topo, pegando o 4o lugar, depois de Melbourne, Vienna e Vancouver, respectivamente.

Claro que fazer uma lista desse tipo é muito relativo, pois cada um gosta de uma coisa ao se tratar de “cidade para viver”, uns prefere as mega-metrópolis, enquanto outros preferem cidades menores. A pesquisa foi feita entre 140 cidades e considerando 30 diferentes aspectos relacionados a segurança, sistema educacional e de saúde, infraestrutura e ambientalismo.

Vendo a lista, notei que os países Canadá e Australia pegaram 6 das 10 cidades do rank, não é atoa que meu padrão de “lugar perfeito” para viver seja acima da média, pois tive o prazer de viver 2 anos na Australia (Brisbane) e mais de 10 anos no Canadá, e simplesmente, qualquer outro lugar que vou, não consegue superar a qualidade de vida que esses dois países oferecem a seus cidadãos.

Quem se interessar para ler o artigo da The Economist, deixo aqui o link.

Toronto sempre participando dessa lista:
Será mesmo Toronto a melhor cidade para se viver? (Feb 2015)
Toronto a melhor cidade do mundo para se viver  (Jan. 2015)
Toronto continua entre as melhores cidade do mundo para se viver (Ago. 2013)

Mas Toronto é realmente tudo isso?

Depois de viver em algumas cidade pelo mundo, posso dizer, que das cidades do porte de 5 milhões de habitantes, Toronto é uma cidade com uma qualidade de vida invejável, pois ela é segura, oferece boas condições de saúde gratuita para a população, tem algumas das melhores universidades do mundo, oferece uma gama de industria de serviços, é limpa e a cada dia que passa, ela se torna muito mais interessante.

O fato dela abraçar a diversidade e o multiculturalismo, faz as pessoas se sentirem em casa rapidamente e adotá-la como “refúgio seguro”. Já escrevi vários posts sobre o assunto e minha devoção por Toronto, então não vou me prolongar de novo dessa vez!

Continue lendo:
Como Toronto surgiu na minha vida
Condo x Apartment : dicas para alugar em Toronto
Mapa mental de Toronto